Destaque da Semana

terça-feira, 23 de maio de 2017

Tupi-MG e GSport 2017


No início de maio, o Galo Carijó lançou em evento o seu novo conjunto de uniformes para a sequência da temporada 2017.


Utilizou como modelos, nove jogadores recém-contratados e que foram apresentados oficialmente já com as novas camisas.


O destaque ficou por conta da terceira camisa, totalmente preta, em homenagem ao aniversário de 105 anos do clube.


A nova camisa titular já foi utilizada contra o Tombense:


Já o uniforme nº 3 foi utilizado na estreia em casa na Série C, contra o Ypiranga, no dia 20 de maio.


O lateral Afonso, que posou com esta camisa alternativa, curtiu o desenho.

- Foi a mais bonita que usei das três camisas, e vamos jogar em casa com ela. Pretendo vesti-la e honrar cada vez mais o clube - disse o defensor.

O clube aproveitou o evento para apresentar nove atletas contratados para reforçar o elenco para a Série C.


O meia Diego Luís, de 26 anos, veio do Batatais, da Série A2 do Paulista. O zagueiro Patrick, o lateral-esquerdo João Guilherme, o meia Andrey e o atacante Luan foram emprestados pelo Cruzeiro. O zagueiro Marcão estava no Alecrim-RN, enquanto o volante Ronaldo Kalu disputou o Mineiro pelo América-TO. Para a lateral direita o reforço é Afonso, que vem do São Paulo-RS. O último a chegar foi o experiente goleiro Vilar, que jogou o Catarinense com o Metropolitano-SC.

BLOG:

Tenho camisas de temporadas anteriores do Galo Carijó na coleção (Acessem pelos links abaixo), justamente da GSport e logo “de cara”, já digo que são mais bacanas que as apresentadas pelo clube agora.

1) Tupi-MG: Coleção Camisas e Manias nº 90
2) Tupi-MG: Coleção Camisas e Manias nº 206

Mas, enfim, vamos lá. A camisa titular está com um desenho que considero um tanto quanto estranho. Não que seja moderno, mas, ficou estranho. Sem uma concepção ou identidade pré-definida. 

Esta mescla das tradicionais listras com o dorso em preto, não deu um impacto agradável, ainda mais com a inserção do patrocinador máster naquela posição da camisa, sem harmonia de cores e das demais distribuições, causando uma poluição visual e colorida muito grande.

Daí partimos para as outras duas camisas, que "salvam um pouco" a coleção. A camisa dois se apresenta em branco, sem as listras, e a “third” toda em “black”, aí sim, valorizando o layout do dorso superior presente em todos os modelos. Concordo que é a melhor das três camisas, de longe. Mas ambas também sofrem com a inserção dos patrocinadores e do “desastre” visual proporcionado.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...