Destaque da Semana

Destaque da Semana
Venda de camisas de futebol

quinta-feira, 31 de maio de 2012

SH02: O Jogo das Sombras

Sherlock Holmes 2:
O jogo das sombras
(Sherlock Holmes: A game of shadows)

Rápida Sinopse ...: Desta vez Sherlock Holmes enfrenta um verdadeiro gênio do crime (e seu arqui-inimigo - Professor Moriarty. Igual a Holmes, intelectualmente, mas com sua capacidade para o mal, aliada a uma completa falta de consciência, podem realmente dar-lhe uma vantagem sobre o famoso detetive.


Quando o príncipe herdeiro da Áustria é encontrado morto, a prova, interpretada pelo Inspetor Lestrade, aponta para suicídio. Mas Sherlock Holmes deduz que o príncipe tenha sido vítima de um assassinato – um assassinato que é apenas uma peça de um quebra-cabeça maior e muito mais portentoso, desenhado pelo professor Moriarty.


Misturando negócios com prazer, Holmes segue as pistas até um clube subterrâneo, onde ele e seu irmão, Mycroft Holmes estão brindando a última noite de solteiro do Dr. Watson. É lá que Holmes encontra Sim, uma cartomante cigana, que vê mais do que diz e cujo o envolvimento inconsciente no assassinato do príncipe faz com que ela seja o próximo alvo do assassino. Holmes consegue salvar sua vida e ela, com relutância, concorda em ajudá-lo em troca.


A investigação torna-se cada vez mais perigosa a medida que leva Holmes, Watson e Sim através do continente, da Inglaterra para a França, depois para a Alemanha e, finalmente, para a Suíça. Mas o astuto Moriarty está sempre um passo à frente e constroí uma teia de morte e destruição - tudo parte de um plano maior que, se bem sucedido, irá mudar o curso da história.


Trailer

Direção …: Guy Ritchie.


Elenco ...: Robert Downey Jr., Jude Law, Noomi Rapace, Rachel McAdams, Jared Harris, Stephen Fry, Paul Anderson, Kelly Reilly, Geraldine James, Eddie Marsan, William Houston, Wolf Kahler, entre outros.


Opinião do
C& M
BLOG...:

Continuação do bom filme sobre o famoso detetive inglês, este "o jogo das sombras" veio à altura. Muito embora, deixemos bem claro, este enredo não se encontra nos livros de Sir Arthur Conan Doyle. Nos primeiros dez minutos nós tentamos nos adaptar e buscar o “fio da meada” para entender a história. Mas aos poucos vamos encaixando os argumentos e logo já estamos interagindo com Sherlock e Watson.


Os ótimos diálogos "escarniosos" entre os dois, que foram destaque na primeira versão, continuam neste segundo filme, e ainda mais carregados de humor negro. Inclusive, com base na imensa repercussão no filme anterior sobre a amizade entre o médico e o investigador que beirou à uma... digamos... "quase relacionamento", foi tênuemente tocado aqui, com leves colocações sobre o assunto, e inclusive deram um jeito de “casar” Watson para pôr em terra essas calúnias cinéfilas (risos).

Em jogo das Sombras, Watson casa-se

O irmão de Holmes (Mycroft Holmes) aparece neste filme, e onde inclusive descobrimos que Holmes é carinhosamente conhecido pelo apelido de “Sherly”. Aliás, que figura! Em alguns momentos, rendem animadas cenas.


No primeiro filme, é muito abordado a forma intuitiva de Holmes por meio de famosas cenas em “Slowmotion” quando o detetive analisa cenas e chega às famosas conclusões dedutivas pelo qual é conhecido.


Já neste segundo filme, introduziram uma forma neste quesito que não me agradou muito, pois em algumas cenas fazem o detetive parecer um “vidente”, adivinhando os passos em algumas situações ou de seus adversários. E Holmes é "dedutivo" e não vidente. Isso não ficou muito legal...


A história é coesa, bacana, envolvente. Não percam: A sequência da cavalgada do grupo de Sherlock entre a França e Alemanha, e a espetacular fuga dos protagonistas em meio a um bombardeio numa floresta. Espetacular. Os minutos finais com o desafio de xadrez entre Holmes e Moriarty é épico, que se encerra com a famosa parte da queda dos dois, na cachoeira de Reichembach, onde no original os dois personagem hipoteticamente caem para a morte.

Castelo nos Alpes Suiços, onde se desenrolam as cenas finais do filme

Isso porque em várias obras (e aqui no filme <spoiler>, com Holmes nas cenas finais) tanto Holmes como Moriarty ressurgem para novas aventuras (***). O filme possui uma fotografia maravilhosa, com trabalho em cenários londrinos perfeitos e detalhistas. Uma ótima continuação, sem dúvida. E provavelmente, teremos mais filmes para a sequência.

(***) Apesar do grande sucesso de sua obra, Conan Doyle não gostava de escrever histórias para Sherlock Holmes pois considerava o romance policial literatura de segunda classe e, na verdade, esse tipo de história só passou a ser respeitado após o sucesso de seu personagem. Ao lado, a ilustração original de como seria o professor Moriarty.

Conan Doyle preferia escrever o que considerava literatura de qualidade (o único livro medianamente famoso é O Mundo Perdido) e chegou a matar Sherlock Holmes, tendo que ressuscitá-lo devido à enorme quantidade de cartas que recebeu de fãs pedindo mais histórias (e, suspeita-se, porque precisava de dinheiro). 

Em novembro de 1891, ele escreveu para sua mãe: "Acho que vou assassinar Holmes… e lhe dar fim de uma vez por todas. Ele priva minha mente de coisas melhores."

Ilustração original da luta na cachoeira de Reichembach

Obrigado pela sua visita...

TransOeste-RJ: Vídeo Oficial



O Dsconto chegou para facilitar ainda mais a sua vida. Ao invés de acessar todos os dias diversos sites de compra coletiva, basta acessar um e saber de todas as ofertas de uma só vez! O site é um agregador de compras coletivas que possibilita a vizualização das ofertas separadas por cidades, categorias e ainda tempo para encerramento das ofertas. Não deixem de conferir e aproveitar as vantagens gastando pouco!

C&M Addon's : Transoeste-RJ (Pak 128)


Como estou muito animado com o advento do BRT Transoeste no RJ (afinal, é minha terra natal, sempre vou torcer para as coisas boas ocorrerem por lá), decidi trazer o sistema para o mundo do Simutrans:

Com relação a confecção dos ônibus articulados, mantive a padronização atual, mas inseri uma única diferença com relação aos modelos que serão operados pelo sistema: No simutrans eles possuem rodados duplos no chassi posterior:


Já para o mobiliário de estações, utilizei a mescla de ferramentas já existentes nos fóruns e redes sociais do Simutrans na web. O interessante é que fazendo uma “mistura” de plataformas e decorativos, montam-se vários tipos de estações:

Mobiliário utilizado para a Estação Novo Leblon

Mobiliário utilizado para confecção da Estação Magarça

Para fechar, um vídeo para mostrar os novos arquivos em movimento:


Valeu, vou ficando por aqui... Grande abraço!!!

quarta-feira, 30 de maio de 2012

Rapidinha C&M: Palmeiras "fourth" 2012


Sim, ela voltou senhores!!! Foi na sexta-feira (25/05), que o Palmeiras e a Adidas lançaram a nova camisa (fourth #4)para a temporada 2012/13. Com a característica cor em verde limão, a camisa mostra detalhes exclusivos em marca d`água na parte da frente, com destaque para a estrela que envolve o símbolo do clube e detalhes em verde nas mangas e na gola, com formato mais arredondado.


Sucesso em 2007, quando foi lançada pela primeira vez como terceiro uniforme, a camisa verde limão voltou a vestir os atletas do Verdão em 2010.


Dois anos depois, o manto retorna com tecnologia ClimaCool®, que se adapta ao formato natural do corpo em 3D e possui tecidos específicos nas partes do corpo que produzem mais calor, melhorando a ventilação e mantendo o jogador na temperatura ideal.



A estréia da nova camisa nº 4 ocorreu no último domingo (27/05) contra o Grêmio, em Porto Alegre, pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro:



[BLOG] ... Realmente, em 2007 lembro que esta modalidade verde-limão foi uma "febre" entre torcida e adeptos (Eu nem era colecionador ainda...). É uma interessante variável para o tom de verde do clube e cai muito bem, ainda mais sendo uma “third” ou como é moda ultimamente: “fourth”... Tomara que os clubes parem por aí, ou teremos um verdadeiro desfile de variadas camisas em todas as temporadas. Na minha opinião um trio de modelos por kit/temporada já está bom. Entrementes, quantidades à parte, esta camisa ficou legal. Só aquele famigerado laranjão e exposto de forma tão "iritante" - nos dois lados da manga -  que cisma em estragar projetos...

Nota do C&M: As observações e notas do blog não são, de maneira nenhuma, o retrato ou consenso comum da opinião da galera... É só a opinião do blog.

Avaí Futebol Clube-SC

Hoje, o C&M vai apresentar a segunda camisa em seu acervo, do clube alvi-celeste da Ilha da Magia...

Avaí Futebol Clube



Fundação do Clube: 1º de Setembro de 1923.

Tudo começou em setembro de 1923. Um comerciante de Florianópolis, chamado Amadeu Horn (imagem ao lado), conheceu um grupo de garotos, praticantes assíduos do futebol, que organizavam seus jogos na rua Frei Caneca no bairro Pedra Grande.

Então Amadeu Horn resolveu realizar o sonho daqueles garotos, que era poder utilizar os "ternos" (termo utilizado na época para designar o uniforme) durante os jogos, como os times famosos utilizavam.

O comerciante doou um "kit" de futebol aos garotos que, além de ganharem uma bola e chuteiras, ainda foram agraciados com os tão sonhados "ternos" contendo camisetas listradas em azul e branco e calções e meias azuis, em homenagem ao seu time de coração, o extinto Riachuelo.

Camisa em estilo "retrô" alusiva à primeira camisa do clube em 1923/1924

Posteriormente em um sábado (1º de setembro de 1923) em uma reunião na casa do Sr. Amadeu Horn, ficou decidido que iriam fundar um clube. O nome escolhido seria Independência. Eis que, atrasado para a reunião, Arnaldo Pinto de Oliveira chega e influencia o grupo a trocar o nome, já que, Independência seria um nome complicado para a torcida gritar em apoio ao time.

Avaí (à época Avahy Foot-ball Club) em 1923/1924

Como naquela época, Arnaldo estava lendo um livro sobre a história do Brasil, ele sugeriu o nome Avahy, em referência à Batalha do Avahy. Todos apoiaram a idéia, e foi aí que começou a história do Avahy Foot-ball Club”.




INFOBlog
Nos primeiros anos depois de sua fundação, o Avaí tinha um escudo diferente do atual. Dentro havia um círculo com fundo branco com as letras "AFC" em azul e em posição central no círculo. Por sobre estas letras em extenso, o nome do clube: Avahy Foot-ball Club, que mais tarde passou a se chamar Avaí Futebol Clube e ganhou um novo distintivo.



O escudo atual do Avaí Futebol Clube foi desenhado com base no primeiro uniforme do clube (camisa com listras verticais nas cores azul e branca), usado na época da fundação e que segue até hoje.



INFOBlog
O Avaí foi o primeiro campeão catarinense, em 1924.


Mascote do Clube:  Leão (Leão da Ilha).


Na década de 1950, quando o Avaí ainda atuava no antigo Estádio Adolfo Konder, o senhor Olímpio, que era um narrador de uma rádio de Florianópolis, classificou o time azul e branco como um "Leão" pela bravura e raça com que tinha atuado em mais uma vitória no clássico da cidade contra o rival Figueirense.


INFOBlog
O Avaí foi a primeira equipe catarinense a vencer uma das três divisões do Campeonato Brasileiro, ao conquistar a Série C em 1998.

Detalhes das "mesclas" de tecidos na camisa

INFOBlog
Como dito mais acima, a origem do nome do clube remonta à Batalha de Avahy, um episódio da Guerra do Paraguai.



Estádio(s):
Estádio Dr. Aderbal Ramos da Silva.
      (Estádio da Ressacada)
Capacidade: 17.800 pessoas.
Inauguração: 15 de novembro de 1983.
Proprietário: Avaí Futebol Clube.


O Estádio Aderbal Ramos da Silva, popularmente conhecido como Estádio da Ressacada, de propriedade do Avaí, foi construído nos anos de 1982 e 1983 em substituição ao antigo Estádio Adolfo Konder. Com capacidade atual para quase 18 mil lugares, possui projetos para ampliação de capacidade para 30 mil pessoas.

Estátua do Leão (mascote) na Ressacada

O Estádio Adolfo Konder (imagem de época, mais abaixo),  também conhecido como “Campo da Liga” ou “Pasto do Bode”, foi um estádio de futebol inaugurado em 11 de março de 1930, localizado em Florianópolis e pertencia ao Avaí Futebol Clube.


O Figueirense também jogou nesse estádio até os anos 60. Já o Avaí, mandou partidas até o início do anos 80. O estádio foi demolido em 1982 e em seu lugar foi construído o Beira Mar Shopping.



Site Oficial do clube

Template certinho, básico, mas bonito. Uma (sempre) boa utilização das cores do clube nos projetos se faz presente nesta camisa. Tecido leve, confortável, com ótima mescla de tecidos. Molde muito bom. A maioria dos patrocínios está em harmonia com o conjunto da camisa (principalmente às costas). Os detalhes como: Etiqueta holográfica de originalidade, arte final na costura interna do colarinho, e a frase estampada na parte de trás do colarinho, agradam aos torcedores e colecionadores mais exigentes. Fonte numérica padrão.


Apesar de confortável e leve, o tecido requer cuidados com umidade (mofo). Patrocínios às mangas destoam do conjunto da camisa.

MUITO OBRIGADO pela sua visita ...
Valeu!!! Até a próxima!