Destaque da Semana

terça-feira, 22 de novembro de 2011

O Valente "Breguinha" PP-SMA

Se você não é adepto da aviação, deve estar se perguntando: 

“Breguinha”?!?!...

"PP-SMA"?!?! 

Calma, eu explico. Para o pessoal que curte aviação, esses termos são especiais e épicos. E com razão. Vamos lá:


Um abençoado e-mail do jornalista Roberto Caiafa em que comentava sobre o abandono do famoso Boeing 737-200 PP-SMA (ex-VASP), no Aeroporto Internacional Tancredo Neves, em Confins, Minas Gerais (foto acima) foi endereçado ao Museu da TAM.

Ainda no e-mail, Caiafa fez um apelo para que alguma entidade, em especial o Museu da TAM, recuperasse a histórica aeronave.

O apelo, a princípio sem esperança, deu resultado!

O "valente" PP-SMA em confins: Merece destino melhor!

O Museu da TAM decidiu incorporar a histórica aeronave, que foi adquirida em 1969 pela extinta companhia aérea VASP, e que durante quase três décadas  operou em linhas aéreas no Brasil, sendo o primeiro do tipo a operar no país. 

Segundo informações do Museu TAM, a previsão é de que até o final do ano o Boeing 737-200 seja removido do aeroporto e transportado num caminhão especial até a cidade de São Carlos, interior de São Paulo.



O Museu da TAM decidiu incorporar a histórica aeronave, que foi adquirida em 1969 pela companhia aérea VASP, e que durante quase três décadas operou em linhas aéreas no Brasil, sendo o primeiro do tipo a operar no país.

Acervo do Museu TAM: Lugar digno para o "Breguinha" SMA

Segundo informações do Museu TAM, a previsão é de que até o final do ano o Boeing 737-200 seja removido do aeroporto e transportado num caminhão especial até a cidade de São Carlos, interior de São Paulo.

BREVE HISTÓRIA DP PP-SMA



Sua história começou em 21 de abril de 1969, quando fez um vôo rasante no Aeroporto de São Paulo (Congonhas) junto com os outros 737-200: prefixos PP-SMB, PP-SMC e PP-SMD (este último foi vendido pela companhia em 1974), devido a comemorações do feriado de Tiradentes.

Ele é o Boeing 737-2A1 Número de Construção (Construction Number) 20092 da Linha (Line Number) 161 na Boeing, e possuia toda tecnologia que se podia esperar de um avião para sua época. 

Esta aeronave foi a espinha dorsal da VASP, que contou com 22 aviões do tipo até sua falência.

Tributo feito ao primeiro Boeing 737 brasileiro, o Boeing 737-200 PP-SMA, que por 35 anos ininterruptos voou pela Vasp levando cada passageiro com seguranca para seu destino!


Crédito Vídeo: Convair0990 em 28/03/2008

Foi o primeiro Boeing 737 do Brasil e da América Latina. 

Na história da aviação chegou a ser recordista por voar 35 anos seguidos por uma só companhia, ultrapassando até o 737-200 LV-JMW da Aerolíneas Argentinas, porém, com a sua parada por determinação do D.A.C (Atual ANAC ) em meados de 2004, foi ultrapassado em tempo de serviço pelo Boeing 727-100 CP-861 do Lloyd Aéreo Boliviano que esteve em operação até 2007 pela empresa da Bolívia. 

737-200 LV-JMW das Aerolíneas Argentinas

727-100 CP-861 do Lloyd Aéreo Boliviano

O apelido de breguinha:

Devido sua defasagem após a chegada do 737-300 ao Brasil, na época a Rede Globo exibia a novela Brega e Chique, onde aparecia os 737-300 da Varig na ponte aérea, e então o 737-200 ficou com o apelido de Brega, enquanto o 737-300 ficou com o apelido de Chique, o 737-200 pegou o apelido de Brega e continuou carinhosamente sendo chamado de "Breguinha", até os dias de hoje, enquanto o chique do 737-300 não pegou.


Segundo o Museu da TAM, não existe um prazo de conclusão da restauração, mas os antigos mecânicos e pessoal convidado participarão dos trabalhos de recuperação do “breguinha” mais voado da aviação mundial, enquanto estava em operação. O PP-VMA deixou de operar na VASP em 2005.

Nova casa do "breguinha"

BLOG…: Sou uma adepto e defensor da manutenção de nossas histórias, em qualquer instância, em qualquer área.  O Blog tem o nome de Camisas e Manias, justamente porque além das camisas (meu principal foco de coleção), possuo outras inúmeras interesses, como os ônibus, filmes, o botonismo, miniaturas, aviação, enfim, sou muito, mas muito eclético nas minhas preferências, e até meio complicado ser compreendido justamente por  isso.  Mas, quando vejo ações como esta, de preservação e carinho com um ícone de nossa aviação nacional como o SMA, eu fico extremamente feliz, satisfeito. Tenho certeza que muitos amantes da aviação respiraram aliviados com a notícia.

Agora, um fato legal... Em meados de 2001 eu fiz minha "estréia" nos céus, e foi em um "breguinha" da VASP, porém, não lembro se foi no SMA (pois à época eu ainda não tinha este jeito curioso e perceptivo que tenho hoje, e também foi numa situação não muito cômoda, por conta do falecimento de meu pai, onde tive que ir de Curitiba para o Rio de Janeiro às pressas), mas comprovo como o avião foi valente! Um vôo direto entre o Afonso Pena e o Galeão, e lembro-me que era uma noite horrenda, com uma tempestade pesada, relâmpagos e trovoadas ribombando à todo o momento do vôo e o "breguinha" passou sem dar conhecimento! Valente demais! 

Há muito material sobre esses valentes aviões, mas um  um blog carinhosamente voltado ao “breguinha” e assuntos correlatos à aviação me chamou a atenção:


Visitei e achei muito bacana!

Ok, pessoal... Fico por aqui, até uma próxima... Tchau!

E sempre...Obrigado pela visita !!!


Nenhum comentário: