Destaque da Semana

Destaque da Semana
Silo Global de Sementes de Svalbard

quarta-feira, 17 de outubro de 2012

Elvis Presley in Concert - Brasília: O Show

Depois de meses de expectativa, o momento chegou. Era hora de fazer malas e ir para a Capital Federal para assitir ao show. Não... Melhor... Corrigindo: O SHOW...


Juntamente com a matéria dissertativa sobre origem e temática desse espetáculo, o C&M vai inserindo imagens (próprias) do show ocorrido em Brasília...

Elvis The Concert, depois renomeado para Elvis Presley in Concert, é um espetáculo musical criado em 1997 como parte das homenagens de 20 anos da morte de Elvis Presley em Memphis (EUA). 

Esse espetáculo, que aconteceu pela primeira vez em 16 de agosto de 1997, pode ser avaliado como uma superprodução, que reúne ao vivo, no palco, integrantes da banda de Elvis no período de 1969 até 1977, tudo isso com a imagem de Elvis projetada por modernos feixes de luz e lasers em um telão.


Esta pode ser considerada a primeira turnê mundial do cantor. Afinal, em sua carreira, Elvis realizou apenas cinco shows fora dos Estados Unidos, cinco apresentações em três cidades do Canadá no ano de 1957.

* Ginásio Nilson Nélson (local do Show) - externa antes do show *

* Stage... Momentos antes do início do show * 

Esse projeto teve sua primeira turnê nos Estados Unidos em 1998, depois do enorme sucesso da apresentação no ano anterior. Logo em seguida, em 1999, começou a percorrer todo o planeta, tudo devido ao grande sucesso de crítica e público, tornando-se um projeto rentável. 


Entre os países visitados podemos citar: Canadá, Inglaterra, Bélgica, Alemanha, Finlândia, Suécia, Dinamarca, Noruega, Países Baixos, Irlanda, França, Escócia, País de Gales, Áustria, Suíça, Austrália, Japão, Cingapura e recentemente, Brasil.

* INTRODUÇÃO (Abertura) do SHOW - Brasília/DF *

O repertório dos shows compreende o período de 1968 até 1973, extraído dos especiais de televisão Aloha from Hawaii e Comeback Special e dos documentários That's The Way It Is e Elvis on Tour


Foram removidos todos os sons externos das cenas, com o objetivo de se isolar o vocal de Elvis. Esse efeito permite que Elvis cante, enquanto a banda o acompanha ao vivo. 


A imagem de Elvis é projetada pouco à frente da banda em um telão. O público não vê os contornos do telão e principalmente aquelas pessoas que estiverem um pouco mais distante do palco, terão a nítida impressão de que Elvis realmente está lá, cantando.

Canção: You've lost that loving feeling

Neste ano de 2012, o espetáculo foi apresentado pela primeira vez na América do Sul, com quatro apresentações no Brasil, neste mês de Outubro, sendo uma apresentação (06/10) em Brasília (Ginásio Nilson Nelson), seguida de três apresentações (08,09 e 10/10 em São Paulo (Ginásio do Ibirapuera), uma apresentação (11/10) no Rio de Janeiro (Maracanãzinho) e uma última - EXTRA (13/10) - em São Paulo (Via Funchal).




Repertório

Also Sprach Zarathustra/Opening Vamp
See See Rider
Burning Love
Steamroller Blues
Love Me
I Can't Stop Loving You
*** Elvis apresenta a banda *** 


Johnny B. Goode
You Gave Me A Mountain
That's All Right



Hound Dog
Don't Be Cruel
Heartbreak Hotel
Are You Lonesome Tonight?
All Shook Up
Blue Suede Shoes
Love Me Tender
In the Ghetto
Sweet, Sweet Spirit (performance "Stamps Quartet"/"The Imperials")




How Great Thou Art
If I Can Dream
A Little Less Conversation
Rubberneckin
Trouble


Polk Salad Annie
You've Lost That Loving Feeling
You Don't Have To Say You Love Me
Mystery Train/Tiger Man
Bridge Over Troubled Water
The Wonder Of You


Suspicious Minds
I'll Remember You
What Now My Love
Long Tall Sally/Whole Lotta Shakin' Goin' On
A Big Hunk O' Love
My Way
An American Trilogy
Can't Help Falling In Love
Closing Vamp


Participantes


Além de Elvis (através de sua imagem em telões)...


O Maestro Joe Guercio; Os membros da TCB Band: James Burton, Ronie Tutt e Glen Hardin...

* Nas imagens acima (Google): James Burton e Glen Hardin durante performances no show em Brasília-DF *

As Sweet Inspirations: Estelle Brown, Portia Griffin e Kelly Jones...

* Imagens (Google): Sweet Inspirations ... *

Membros do "The Imperials": Joe Moscheo, Terry Blackwood e Darrell Toney; E ainda a participação ilustre de Ron Feuer (Teclados) e Jerry Scheff (Baixo). Os membros da Orquestra Sinfônica de Brasília também estiveram presentes...

* Imagem (Google): Membros da Orquestra Sinfônica de Brasília *

Entre Setembro e Novembro uma exposição - Elvis Experience - está aberta ao público brasileiro na cidade de São Paulo no Shopping Eldorado.

*** BLOG ***
Emocionante, vibrante, nostálgico e arrebatador. O show conseguiu reunir vários sentimentos e pensamentos ao mesmo tempo... Meus comapnheiros de viagem (sobretudo Rosita, minha esposa) estavam impassíveis, como que absortos num sonho real... Somente cada um dos milhares de fãs que assistiram os shows podem afirmar com certeza a gama de sentimentos e emoções que compartilharam. É único. Foi uma noite fenomenal, e que com certeza povoou os sonhos de muitos fãs brasileiros. Elvis in Concert e Elvis Experience vieram para fazer história entre os fãs daqui, e ficarão incólumes nas mentes e corações de cada um deles. Certeza absoluta!

No dia seguinte, já extasiados pela esperiência, ainda teríamos uma surpresa final, no aeroporto de Brasília: Pudemos ainda, ter contato, tirar fotos e cumprimentar membros da banda, que seguiam para São Paulo:






Inicialmente, as emoções foram contidas (dada operação para adentrar a sala de embarque – que nem era a nossa! Rsrsrs..), mas foi impossível segurar. Logo, estávamos debulhando em lágrimas, por consequência do encontro surpresa e muito bacana! 




E sempre simpáticos!!!... Sempre com sorrisos acolhedores no rosto, semblantes alegres, contagiantes... Pacientes, solícitos... Sempre dispostos para mais uma fotografia... Mesmo que fosse para uma outra moça, fã ao extremo, que embora estivesse com o nome sendo vociferado nos auto-falantes do aeroporto, pois seu vôo para Recife estava saindo, é só faltava ela na aeronave... Tentava ainda registrar esse momento único... Eu pensava comigo mesmo: - Vale à pena!!! 



E minha esposa, Rosita, Chorando... Mas um choro alegre, feliz!!! Desses choros que vale muito na vida!!!


E assim, fechamos com chave de ouro a visita à Capital Federal. Vai demorar para sair da cabeça. Só posso falar uma coisa: Se AMA determinado assunto, banda, música ou o que for... Vá ao encontro dela. Veja... Esteja presente... É indescritível. 

Vocês vão dizer... Mas peraí... faltou o ELVIS? ... Não. Não faltou.

Ele estava ali, presente em cada fã, cada música, cada grito, cada choro, em cada membro do show. Durante o show é impossível não sentir a presença do Rei do Rock, por intermédio de cada um dos que estão no palco. É mágico.

OBRIGADO... Agradeço sua visita aqui no blog.
HUMILDEMENTE.

Um comentário:

Paulo Pereira disse...

Estive no show do Maracanãzinho. Faço minhas as suas palavras finais: cada um dos presentes levou consigo um pedaço de Elvis dentro de si quando chegou; e partiu levando ainda mais.