Destaque da Semana

Destaque da Semana
Silo Global de Sementes de Svalbard

sexta-feira, 11 de maio de 2012

Invenções na Era Napoleônica #04

Uma “mortal” e terrível invenção de guerra...

Parte 04
O explosivo Shrapnel Shell

Nem tudo são flores, em se tratando de invenções em época de guerra... 

O exército britânico foi o primeiro a usar as temíveis e terríveis munições explosivas mais conhecidas como shrapnel shell, em homenagem a seu inventor, o então tenente da Artilharia Real Britânica Henry Shrapnel.


Em 1784, bancando o desenvolvimento do invento de seu próprio bolso, Shrapnel mostrou a seus colegas uma bala de canhão oca recheada de projéteis de chumbo, que explodiam no ar após o disparo.


Ilustração: Negreiros

Os oficiais se interessaram, mas não o suficiente. Em 1787, o tenente aperfeiçoou ainda mais a munição, demonstrando o estrago feito por um projétil de morteiro com cerca de 200 balas de mosquete misturadas com pólvora.

Fragmentos dos projéteis mortais

Apesar da aprovação dos generais, nada foi feito, até que, em 1792, Shrapnel conseguisse convencer um comitê do alto comando inglês a examinar a proposta de adicionar as balas explosivas ao arsenal do exército. 

Acima: Uma das formas de utilizar a mortífera munição.
Abaixo: Demonstração das consequências e diferenças entre munição normal e a munição Shrapnel Shell em uma perna.

A apresentação se deu em 3 de junho de 1803. Foi então montada uma linha de produção para a sua manufatura em grande escala.

Tenente-Coronel Henry Shrapnel

No ano seguinte, depois que sua criação foi usada com sucesso em batalha, Shrapnel foi promovido a tenente-coronel.

Fonte: Natalia Yudenitsch – Abril Editora


Vixe... O negócio era "pedreira" naqueles "idos"...
Obrigado pela visita aqui no C&M e até uma próxima!!!
Tchau!

Nenhum comentário: