Google-Translate-ChineseGoogle-Translate-Portuguese to FrenchGoogle-Translate-Portuguese to GermanGoogle-Translate-Portuguese to ItalianGoogle-Translate-Portuguese to JapaneseGoogle-Translate-Portuguese to EnglishGoogle-Translate-Portuguese to RussianGoogle-Translate-Portuguese to Spanish

terça-feira, 10 de abril de 2012

Contágio

Contágio
(Contagion)

Sinopse... A disseminação veloz de um fatal vírus transmissível por vários fatores e que mata em poucos dias. Enquanto a epidemia se espalha cada vez mais rapidamente, médicos de todo o mundo correm contra o tempo para encontrar a cura e controlar o pânico que se espalha mais rápido do que o próprio vírus. 


Ao mesmo tempo, pessoas comuns lutam para sobreviver diante do desmoronamento da sociedade.


Elenco... Gwyneth Paltrow, Laurence Fishburne, John Hawkes, Matt Damon, Kate Winslet, Marion Cotillard e Jude Law.


DireçãoSteven Soderbergh.

Trailer 



BLOG...:

Esse filme me deu um dos maiores (e mais lamentával) prejuízos dentre os filmes que vi ultimamente.  Não tenho paciência para ver filmes “baixados” pela net, e prezo muito o conforto de um sofá ou uma cama para ver o filme com mais detalhes, e inclusive poder contar com mais ferramentas para observar alguma determinada cena. Mas no caso deste ruim Contágio, o bolso doeu, pois efetuei a locação na quinta (véspera de feriado) e à noite do mesmo dia começei à ver, mas o sono chegou.



E o sono bateu forte pelo fato do filme ser extremamente cansativo no seu início. Apesar do elenco excepcional, o enredo é pobre. O tema poderia ter sido muito melhor aproveitado e trabalhado, mas sempre beira à um documentário (ao invés de filme) e a falta de diálogos eloquentes na maior parte do filme é fatal.

Até mesmo Matt Damon está "esquisito" neste filme...

Alguns papéis até salvariam a película, mas nem assim: Jude Law é um jornalista sensasionalista que usa a internet como ferramenta, mas poderia ter seu personagem muito melhor aproveitado, e não ter um final pífio como foi. Gwyneth Paltrow e Kate Winslet se assemelharam à “peões” num jogo de xadrez, pois a primeira morreu logo no início – muito embora seja a grande personagem do filme – e a segunda, até agora estou tentando entender o porque de sua existência no filme. Quem ainda se mantém tranquilo nisso tudo é o excelente Lawrence Fishburne, que não compromete, mas também não empolga.

- WTH???? O que você afinal faz no filme, Kate???

Enfim, resumindo, é um filme que não mostra ao que veio. Começa tão abruptamente como acaba. Ah, no final você descobre como tudo começou (no meio do filme um paradoxo em forma de frase entre os médicos retrata tudo).


Se você for um entusiasta por assuntos epidemiológicos, pode até gostar do filme pelo teor subentendido, mas para um simples espectador em busca de um bm divertimento, será uma experiência cansativa e decepcionante. Três dias de multa para devolver o DVD... Eu mereci, juro que mereci!!! Para não falar mal de tudo, há um extra (único) que é legalzinho...

A avaliação N/A se dá por não ser aplicável ou não ter sido avaliado no filme. Aqui, no caso, é a primeira opção.


Até mais tarde!

Obrigado pela sua visita...

Nenhum comentário: