Destaque da Semana

segunda-feira, 23 de abril de 2012

No ponto com C&M (23.04.2012)

Edição 23.04.2012

O roteiro turístico de Porto Alegre já conta com novo ônibus Marcopolo Viale DD "Sunny" de propriedade da Carris: 





Imagens :
Fotos: Teleobjetiva

[BLOG] ... Este modelo de ônibus (além de bonito) faz toda a diferença em um passeio turístico. Em Curitiba, desde que foi adotado o DD panorâmico aumento consideravelmente a quantidade de usuários na linha turismo da cidade.

Ainda em Porto Alegre...

Desde 24 de março (sábado), os usuários do transporte coletivo da cidade utilizam 16 novos ônibus que foram entregues pela Carris. São sete coletivos articulados, com capacidade para 63 passageiros sentados, e nove ônibus com ar-condicionado com capacidade para 44 passageiros sentados. Todos os ônibus são adaptados para acesso universal.


Outros 11 ônibus que foram adquiridos pela empresa para renovar a frota devem ser entregues até o final de abril. Realizada na sede da Carris, a solenidade de entrega dos coletivos contou com o prefeito José Fortunati.

Fonte:
http://zerohora.clicrbs.com.br

Parabéns, S.E.R. Caxias!!! 
É o que deseja também o Blog C&M...

*  *  * - * * * - *  *  *

E, recentemente a montadora paranaense Mascarello atingiu a marca de 13.000 unidades beneficiadas e comemorou a marca:


Em um mercado tão concorrido, e com tantos desafios  é realmente uma bela marca atingida pela competente empresa de Cascavel. Alguns trabalhos abaixo, o blog tem o prazer de divulgar:

ROMA 370 (VOLVO B42OR)
IFBA
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Bahia
(Campus Salvador-BA)

Roma 310 (Volks 17.230)
EVAL EMPRESA DE VIAÇÃO ANGRENSE LTDA
ANGRA DOS REIS - RJ

[BLOG] ... Esse abaixo, achei fenomenal...

Gran Via 15000 mm (3º eixo direcional) Volvo B270
Empresa Metropolitana
Recife-PE


[BLOG] ... Esse modelo acima pode operar fácil, fácil em qualquer sistema BRT de médio porte. O salão de passageiros é enorme!

Fonte de imagens e informações técnicas:

Está chegando a hora...
TRANSOESTE-RJ
Sistema Transoeste entre Santa Cruz e Barra daTijuca começa a funcionar no próximo dia 21 de maio.

Com o primeiro trecho previsto para estrear dia 21 de maio, o corredor expresso de ônibus BRT Transoeste (que ligará Santa Cruz à Barra da Tijuca) terá esquema especial de segurança 24h. PMs fardados em horários de folga estarão em todos os pontos. No novo sistema, pontos viram estações com bilheteria, roleta e câmeras. A promessa é que a viagem de ponta a ponta na linha expressa seja feita em 65 minutos, metade do tempo gasto atualmente.


Para que o trânsito não roube a agilidade desse novo meio de transporte, haverá sinais inteligentes que se abrem ao detectar a aproximação do coletivo e muitos, muitos radares para frear avanços de sinal nos cruzamentos que cortam o BRT, como na Avenida das Américas e na Rua Felipe Cardoso, em Santa Cruz.

O novo sistema será implantado aos poucos, em mais três etapas, até ser concluído, em junho. “Nos ônibus haverá equipamentos de filmagem. As imagens passarão em tempo real num painel no Centro de Controle Operacional, no Terminal Alvorada. É segurança máxima”, destacou o presidente da Federação das Empresas de Transportes de Passageiros do Rio (Fetranspor), Lélis Marcos Teixeira.


Na primeira fase, serão abertas 30 das 53 estações. Duas linhas serão eliminadas ou alteradas — 882 (Santa Cruz-Barra) e 460S (Itaguaí-Barra) — e darão lugar a outras, as alimentadoras, que trarão os usuários até as estações. “Reuniões com moradores de Santa Cruz, Campo Grande e Sepetiba começam nos dias 28 e 29 para explicar as mudanças”, explicou Lélis.

Quando estiver funcionando plenamente, o Transoeste terá alterado 20 linhas, eliminado cinco e tirado das ruas 140 ônibus. Vão sumir do mapa coletivos com trajetos parecidos com o do BRT.

Crédito da foto: Jovani Cecchin (via ônibus Brasil)
Nova pardonização com o nome escolhido para o sistema (Ligeirão)

Semáforos inteligentes vão deixar a viagem mais rápida. A tecnologia cruza dados de um tag — dispositivo eletrônico instalado no vidro dianteiro dos BRTs — com a de antenas colocadas nos sinais. Com isso, ao perceber a aproximação do ônibus,os semáforos vão ficar verdes ou o tempo do vermelho será reduzido.

A modernização também nos veículos articulados, que transportam 140 passageiros de uma vez, 42 sentados. Televisores de 21 polegadas vão distraí-los com notícias, entretenimento e propaganda sem som. Painéis luminosos vão informar a próxima estação e quantos minutos faltam para chegar até ela.

Panorama de uma das estações à noite (Estação Novo Leblon)

Para os rodoviários, um moderno computador de bordo, com telas que mostram imagens das 4 câmeras internas do ônibus e da externa que ajuda a dar ré. As empresas que vão operar o sistema são a Expresso Pégaso e Viação Jabour.

O embarque será diferente: nas estações, as portas de vidro só se abriram para dar acesso ao ônibus quando ele encostar na plataforma. A pista dos ônibus é segregada com uma mureta de 15 centímetros de altura, mas haverá lacunas para manobras de emergência, como quando um ônibus furar o pneu ou enguiçar.

Foto: J.P. Engelbrecht

A frota do Transoeste que vai operar inicialmente terá 40 ônibus articulados, cada um a custo de cerca de R$ 750 mil. Destes, 23 serão expressos e vão funcionar das 5h à 1h, de segunda-feira a sábado, com intervalos de cinco minutos. O restante será dos chamados paradores e irá circular todos os dias, 24 horas, com previsão de passar a cada 10 minutos.

A Secretaria Municipal de Transporte deve fazer programação especial de funcionamento de estações na madrugada. Há a possibilidade de que nem todas fiquem abertas neste período, já que a movimentação de passageiros é reduzida a quase um terço. Também está sendo estudado como será feito com as bilheterias, que também devem ter horário de atendimento restrito.

Diagrama do sistema Transoeste (Crédito: Jornal O Dia)

Com o Transoeste, o Bilhete Único Carioca vai possibilitar o uso de até três ônibus, e não dois, pela tarifa de R$ 2,75. Isso porque as linhas alimentadoras — que vão sempre ter a letra A ao final do número — não vão contar se a viagem anterior ou posterior do passageiro for num BRT. Mas a regra do tempo permanece: a integração deve ser feita no prazo máximo de duas horas de intervalo.


Nos ônibus da Transoeste não haverá cobrador: eles estarão nas bilheterias das estações. A compra da passagem será por Bilhete Único apenas, que será passado na catraca. Na primeira semana, quem não tem ganhará um do bilheteiro. Todas as estações terão máquinas automáticas de recarga.

Na segunda etapa do BRT Transoeste, está prevista a inclusão da estação Magarça, sendo seguida pela etapa da inclusão do ponto de parada de Mato Alto e, finalmente, o trecho com a Césario de Melo, em Campo Grande, em junho. Serão 110 mil viagens por dia no sistema, que exigiu a abertura de um novo túnel, o da Grota Funda.


Em 2016, a integração do corredor expresso será feita com a estação de metrô do Jardim Oceânico, da futura Linha 4 do metrô da Barra. O BRT provocará melhorias também nas linhas convencionais de ônibus. Todos os 60 veículos das linhas alimentadoras serão equipadas com ar-condicionado em até um ano.

A frota também será composta, além do MegaBRT (Neobus) do novíssimo VialeBRT (Marcopolo). Crédito da foto: Josenilton Cavalvante da Cruz.

A agilidade que se pretende ter no corredor é a mesma esperada para a solução de possíveis problemas mecânico ou acidente envolvendo em alguns dos ônibus BRT. 

A Fetranspor calcula que toda a operação para tirar o veículo da pista e transferir os passageiros para outro carro dure, no máximo, 30 minutos, com apoio operacional de motoqueiros e reboques. 

Simulações de resgate e apoio em caso de pane estão sendo feitas com os motoristas no trecho que será inaugurado.

Crédito foto: Miguel A.M. Côrrea (via Busólogos em ação)

Fonte da matéria:

[BLOG] ... Os usuários cariocas vão gostar do novo sistema. Se for bem administrado do jeito que estão divulgando então, o sucesso é garantido. Já cansei de falar que passei 26 anos de minha vida no Rio de Janeiro, sendo os últimos 10/15 intensamente movimentados, utilizando os ônibus da cidade. Cresci à volta das intensas linhas cariocas, e lé tornei-me busólogo. Quando mudei-me para Curitiba, e conheci o explêndido sistema daqui, então, consolidei minha adoração pelos ônibus. Por isso, sou convicto em afirmar que os usuários cariocas vão gostar! Só está me preocupando esse tempo estimado de 30 minutos em resoluções de problemas... Acho que pode ser melhor.

Para fechar... Fotos da entrega dos novos G7's da Bomfim de Salvador/BA...




Alguns exemplos de Banners publicitários em busões:


Paris: Esse comercial é um tanto perigoso...


Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...